A Atividade Física regular traz benefícios para a saúde em todas as fases da vida, incluindo a gravidez. Segundo o Colégio Americano de Ginecologia e Obstetrícia a atividade física na gravidez tem riscos mínimos e é benéfica para a maioria das mulheres, embora algumas modificações nos exercícios devam ser realizadas por causa das mudanças anatômicas e fisiológicas.

O Instrutor capacitado conhece as alterações que acontecem no corpo da gestante e está preparado para escolher os melhores exercícios e adaptá-los conforme cada trimestre

Num Estúdio de Pilates é comum as alunas já praticantes engravidam e também é comum recebermos mulheres já gravidas que nunca praticaram pilates antes.
Então vamos falar sobre essas duas situações:

 

Se você está grávida e…
já pratica Pilates:

Quando as praticantes de Pilates engravidam, após a liberação médica, podem continuar praticando o Método com modificações e adequações de movimentos em cada fase da gestação.

A praticante do Pilates inicia sua gestação com um corpo mais preparado para as alterações que virão, já conhece os exercícios e já sabe ativar o powerhouse, então fica tudo muito mais fácil.

Continuando com a prática essa gestante pilateira vai manter a boa postura, preparar as pernas para suportar o aumento de peso, preparar os braços para os cuidados com o bebê, controlar a musculatura do assoalho pélvico, manter a função abdominal, prevenir inchaços e dores nas costas. A prática na gravidez também pode evitar que os músculos abdominais se separem muito (diástase). Depois do parto, a praticante de pilates também terá mais facilidade no retorno das alterações ocorridas no corpo durante a gestação e o parto.

 

Se você está grávida e…
nunca praticou Pilates antes:

Como o Método usa muito o Power House, aprender a ativá-lo com o corpo em constante mudança não é uma tarefa fácil, portanto a gravidez não é o melhor momento para iniciar a pratica se você nunca praticou antes.

Mas não desanime, se mesmo assim você quer praticar, saiba que alguns estúdios tem instrutores capacitados para selecionar exercícios seguros que possam ser adaptados para cada fase da sua gestação. Nesse caso, não deixe para iniciar muito tarde, quando a barriga já estiver grande. Converse com seu médico para iniciar o quanto antes, se possível  😉

Se você quer praticar Pilates durante a gestação o ideal é se programar e iniciar a prática do Método cerca de 6 meses antes de engravidar. Com isso você prepara seu corpo para a gravidez e assim que engravidar e obtiver a liberação do médico, você continuará a praticar o Método e colher todos os benefícios para você e seu bebê.

 

Pilates no Pós-Parto

Após o parto, e já com a liberação médica em mãos, você pode iniciar a prática do Método Pilates. Nessa fase ele auxilia no retorno dos órgãos ao local original, recuperar a força e a estética da região abdominal, eliminar acúmulo de líquidos e fortalecer os músculos que foram sobrecarregados durante a gestação.

 

O depoimento abaixo é da Fernanda, que pratica Pilates aqui na Vittalis! 

Depoimento Fernanda

 

Pratique Pilates Original na Vittalis!
Entre em contato e agende sua aula!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s